COLEÇÃO Primavera 2014

COLEÇÃO
Primavera 2014

Ver o vídeo
Descubra as silhuetas
Os looks

Os looks

Descobrir
Silhueta

01

Clique e arraste o cursor
para navegar na coleção

Drag
A inspiração

A inspiração

Descobrir
A inspiração

O HOMEM
CONTEMPORÂNEO

Da mesma maneira com que Christian Dior gostava de buscar, na obra dos artistas de seu tempo, a dinâmica revolucionária de suas criações, foi na arte contemporânea que Kris Van Assche, diretor artístico das linhas homme da maison, encontrou a inspiração para a pré-coleção Dior Homme primavera-verão de 2014. Cada um dos três temas que a compõe reivindica então uma influência estética particular. No Disappear Here, é a de Jackson Pollock e manchas coloridas que enchem suas telas em all-over. Este gesto criativo, tão enérgico como expressivo, encontra-se, da mesma forma, no motivo Stroke, onde pinceladas de cor viva, parecem estar aplicadas nas roupas. Enfim, com estas figuras geométricas, onde o negro domina, que às vezes contrastam com uma superfície de cor primária, Zero lembra as composições abstratas das telas construtivistas.

Da mesma maneira com que Christian Dior gostava de buscar, na obra dos artistas de seu tempo, a dinâmica revolucionária de suas criações, foi na arte contemporânea que Kris Van Assche, diretor artístico das linhas homme da maison, encontrou a inspiração para a pré-coleção Dior Homme primavera-verão de 2014. Cada um dos três temas que a compõe reivindica então uma influência estética particular. No Disappear Here, é a de Jackson Pollock e manchas coloridas que enchem suas telas em all-over. Este gesto criativo, tão enérgico como expressivo, encontra-se, da mesma forma, no motivo Stroke, onde pinceladas de cor viva, parecem estar aplicadas nas roupas. Enfim, com estas figuras geométricas, onde o negro domina, que às vezes contrastam com uma superfície de cor primária, Zero lembra as composições abstratas das telas construtivistas.