23.06 DIOR NO MUNDO

POR AMOR À ARTE

GALERIA

Até 20 de julho, a exposição Miss Dior  estará em Xangai, na China. Entre as obras, a nova artista Liu Lijie apresenta o seu olhar contemporâneo da mítica fragrância.

Miss Dior , é uma fragrância mítica, a primeira da Maison, mas reflete também a relação de admiração recíproca entre Christian Dior e as mulheres; essas mulheres que o estilista-perfumista tanto amava, vestia, perfumava e deixava felizes. A fotógrafa chinesa Liu Lijie inspirou-se nesta ideia para criar o tríptico Fan Fan  apresentado pela primeira vez em Xangai, na China.
Para cada uma de suas criações, a jovem, diplomada na Universidade de cinema de Pequim, pensa como de costume, em uma fotografia como um verdadeiro curta-metragem, no qual a mise em scène vem em primeiro lugar.

Aqui, trata-se do movimento. Um deslocamento expresso através dos dois significados da palavra inglesa “fan ”: o de admirador que se inspira e segue seu ídolo, mas também o de sopro de ar criado por um leque, a outra definição de “fan ”. Liu Lijie pensou sua obra em três tempos e três acordes, como uma fragrância. À direita, uma jovem mulher que olha para o céu, sonhadora. À esquerda, acima, uma nave espacial que flutua no ar, misteriosa. Em notas de fundo, a intriga: quem é perseguido? Quem é atraído?
A artista dá asas à imaginação. Natalie Portman, que descobriu as três fotografias no vernissage da exposição deixou-se transportar: “A obra de Liu Lijie é incrível, um reflexo de seu mundo onírico e magnífico. Adoro essa história de disco voador que dá um toque misterioso e dá margem a todas as teorias... ”

MAIS MÍDIAS

ADICIONAR TAG : DIOR NO MUNDO