Voltar
© Foto Les Arts Décoratifs / Nicholas Alan Cope

Christian Dior também foi um homem de arte e amante de museus e, assim, os mais de 70 anos de criação dialogam igualmente com quadros, móveis e objetos de arte. Essas obras destacam e ampliam o olhar de Christian Dior, explorando as relações que ele soube traçar entre a Alta Costura e todas as formas de arte, algo que define a identidade da Maison. Os dois curadores, Florence Müller e Olivier Gabet, organizaram suas propostas a partir de um percurso cronológico e temático reunindo e utilizando, pela primeira vez, os espaços dedicados à moda e os da nave do museu, somando cerca de 3.000 m2.